Este blog muitas das vezes tem opiniões divergentes de lideranças políticas do estado, inclusive da liderança máxima governamental, o governador Flávio Dino. Neste espaço, cuja editoria é comandada por este blogueiro, nada impede de se fazer críticas pontuais, construtivas e necessárias, quando assim for o caso e a quem quer que seja. Repito: a quem quer que seja! É respeito, acima de tudo, aos milhares de leitores que passam todos os dias por aqui.

No caso da ação destrambelhada de petistas no último domingo, quando agredirem o direito de manifestação de alguns cidadãos que protestavam contra a corrupção voraz do governo do PT, obviamente nos posicionamos contra, principalmente pelas agressões (poderia ter ocorrido uma tragédia se não fosse a pronta intervenção da Polícia) cometidas por petistas tresloucados armados com facas e estiletes, inclusive, em ato de total descontrole e desrespeito à democracia. De uns tempos para cá, petistas não sabem mais o conceito de sociedade justa, igualitária onde os direitos devem ser respeitados e resguardados.

Inclusive chamamos a atenção ao fato de secretários do estado e da prefeitura estarem envolvidos no ato de brutalidade. E que por conta disso, nem o governador nem o prefeito poderiam ser coniventes com o descalabro de seus auxiliares.

Como já dissemos aqui, não se trata de defender tucanos – alguns com a mesma ficha corrida de petistas – e muito menos demonizar o PT. É inócua, pura bombagem retórica, essa polarização de direita e esquerda/tucanos versus petistas. Ao invés de elucubrações ideológicas sem efeito prático, muitos políticas deviam centrar o foco no bem-estar social da população. Somos defensores da tese de que todos devem ser investigados e punidos, independente de partido ou corrente. Violência jamais pode ser justificada, ainda que em nome de ideologias lunáticas que só servem nas páginas de trabalhos acadêmicos.

Pois bem, depois de ser questionado, o governador Flávio Dino decidiu se posicionar sobre o episódio. E seu posicionamento foi o mesmo defendido por este blog.

Disse assim Dino, publicado no blog do jornalista Raimundo GarroneO Maranhão pode se manifestar livremente. Essa é a orientação que já transmiti ao sistema de segurança; de modo que todos aqueles que queiram participar do dia 13, contra ou a favor do governo (Dilma) podem ter a certeza que a polícia vai garantir esse direito – disse.

Aplausos para o governador, que completou:

– Acho mais importante é que haja um diálogo, um entendimento, respeitando as diferenças e evitar conflitos que podem colocar em risco a democracia que não seria bom para ninguém – advertiu.

Não poderia ser mais sensata a atitude do governador, pois até onde conheço é um democrata, um homem correto, probo e bem intencionado que jamais desencadearia por atos fascistas e de desrespeito a constituição.

Assim como fazemos críticas duras, também sabemos fazer o reconhecimento quando se acerta. E Flávio Dino foi muito feliz nas suas pertinentes declarações.