São Luís - MA Possibilidade de Pancadas de Chuva 25°C 33°C

Corrupção na Petrobras: governadora e ministro, que é senador, na lista dos envolvidos…

Olha aí o motivo da desistência de Roseana disputar ao senado…

O Brasil inteiro está indignado com a corrupção que sangra os cofres e rouba nossas riquezas. Enquanto a Petrobras agoniza, uma delação premiada feita por um investigado pela Polícia Federal, levou aos nomes de Roseana Sarney, governadora e Edison Lobão, senador, pai de candidato ao governo do Maranhão.

Roseana foi eleita governadora e Edison Lobão, senador eleito pelos votos do engodo de uma refinaria em Bacabeira.

É para isso que eles querem o poder.inauguracaoroseana-300x197

Alguém ainda vai votar em Edinho e Gastão, depois dessa?

CORRUPÇÃO NA PETROBRAS  (O Imparcial)

Roseana e Lobão são citados em delação de ex-diretor da Petrobras, diz revista Veja

Paulo Roberto Costa citou mais de 60 congressistas, governadores e ex-governadores. Lobão e Roseana repudiam acusações

A revista Veja desta semana publica denúncias sobre um suposto esquema de corrupção na Petrobras, onde partidos políticos receberiam propinas de empresas contratadas pela estatal. A operação ilegal, segundo ele, ocorria, principalmente, onde a Petrobras tem grandes projetos em curso e pelo menos três partidos seriam beneficiados: PT, PP e PMDB.

O esquema foi revelado pelo ex-diretor da empresa, Paulo Roberto Costa, em depoimento à Polícia Federal e Ministério Público. Até a semana passada, segundo a Veja, existiam mais de 42 horas de interrogatório gravadas. Costa se valeu do dispositivo da delação premiada – denunciou para ter sua pena reduzida – e em seu relato citou 66 congressistas, entre deputados e senadores, governadores e ministros de estado.

Entre os nomes há maranhenses: Edison Lobão, ministro de Minas e Energia, e a governadora Roseana Sarney foram citados por ele. Ambos são do PMDB. No caso de Lobão, a revista cita que ele era beneficiado pelo esquema. Mas Lobão nega. Diz que sua relação com Paulo Roberto era institucional e rechaça qualquer envolvimento.

O mesmo faz a governadora Roseana Sarney. Em nota enviada à revista e também a O Imparcial, Roseana se disse “indignada”, repudiou as acusações e anunciou que irá à justiça para “resguardar a honra e dignidade.”

“Repudio, de forma veemente e com grande indignação, as referências feitas a mim pelo Sr. Paulo Roberto Costa e publicadas pela revista Veja. Nunca participei de nenhum esquema de corrupção e muito menos solicitei ao ex-diretor da Petrobras recursos de qualquer natureza. Tomarei todas as medidas jurídicas cabíveis para resguardar minha honra e minha dignidade”, diz ela.

Na reportagem da revista não há trechos de depoimentos e nem como nivelar a suposta participação dos envolvidos no caso. Não há como saber se foram apenas citados por serem do Maranhão, estado onde está em curso o projeto da Refinaria Premium, ou se há envolvimento de fato com operações ilegais.

Desde esta sexta, quando começou a circular informações sobre o caso, os números dos citados por Costa como envolvidos no esquema variam. Ora denúncia aponta que pelo menos 32 parlamentares e um governador foram beneficiados pelo desvio de recursos. Mas em seu depoimento ele deu nome de 49 deputados federais, 12 senadores e um governador. Segundo ele, os envolvidos ficavam com 3% do valor dos contratos celebrados com a empreiteiras.

Os citados por Paulo Roberto, segundo a Veja

João Vaccari Neto, secretário nacional de finanças do PT

Edison Lobão, ministro das Minas e Energia, PMDB

Henrique Eduardo Alves, presidente da Câmara dos Deputados, PMDB

Renan Calheiros, presidente do Senado, PMDB

Ciro Nogueira, senador e presidente nacional do PP

Romero Jucá, senador do PMDB

Cândido Vaccarezza, deputado federal do PT

João Pizzolatti, deputado federal do PT

Mario Negromonte, ex-ministro das Cidades, PP

Sergio Cabral, ex-governador do Rio de Janeiro, PMDB

Roseana Sarney, governadora do Maranhão, PMDB

Eduardo Campos, ex-governador de Pernambuco, PSB – morto no mês passado em um acidente aéreo

Como funcionaria o esquema

Segundo Paulo Roberto, os envolvidos recebiam 3% do valor do contrato fechado entre Petrobras e empreiteiras, entre elas a gigante Camargo Correa. O destino do dinheiro era um caixa paralelo de partidos e políticos de diferentes partidos da base aliada do governo. No PT, segundo o ex-diretor, o operador encarregado de fazer a ponte com o esquema era o tesoureiro nacional do partido, João Vaccari Neto.

Eleições de 2014: Absolutismo de Sarney, “o estado é meu”…

7 de setembro, Maranhão quer sua independência…images

Em seu artigo desse domingo, dia 7 de setembro, dia que o resto do Brasil comemora a independência, o ex-presidente José Sarney faz declarações nada democráticas.

Em suas palavras, citando Aluízio Azevedo, Padre Antônio Vieira, declara seu método absolutista: O Estado sou eu, o Maranhão é meu…

No dia que o Brasil comemora a independência, Sarney, que há 50 anos centralizou o poder em torno de si no Maranhão desafia a lógica democrática e deixa escapar: “à minha custa, muitos vivem”…

Para um bom entendedor, o raposa, quer usar a seu favor um absolutismo implantado na antiga província maranhense, onde tem garantido os favores do TCE, TJ, Assembléia Legislativa, etc. Todos se dobrando à sua “soberania”.

Leia o artigo de José Sarney, aqui:

Quem “virou a casaca”, Dilma?

Quem são “eles” que Dilma e Lula se referem?presid anta

Durante encontro com mulheres, em São Paulo, a presidenta Dilma falou sobre o papel da mulher no processo de redemocratização do País e enfatizou que é preciso ter postura para ser presidente de um país. Dilma vive seu piro pesadelo, para tanto, tenta desclassificar Marina Silva, usando chavões que só pioram a situação.

As contradições do PT nas eleições de 2014 vão além das palavras insensatas da presidente Dilma Rousseff quando afirma que: “Não somos vira-casacas. Quando você tem um lado, deve lutar por ele”.

Ora, quem virou a casaca para se aliar aos corruptos que antes combatiam foram Dilma e Lula.  Os petistas deveriam ser mais claros a quem se referem quando dizem eles. Acostumados a falar de seus opositores como “eles”, Lula e Dilma esquecem que os “eles” de outrora são os mesmos que agora estão no mesmo palanque petista.

Confiram no vídeo abaixo, quem são os “eles” de Lula.

 

 

 

Os negócios lucrativos dos Sarneys no falido estado do Maranhão…

Incompetência de Roseana Sarney: Sabe administrar suas empresas, mas faliu o governo?ROSEANA - RICO

Alguém poderia responder sobre a origem das riquezas de duas famílias de políticos do Maranhão? Só Roseana passou 4 mandatos à frente do governo, e no final, vejam que vergonha.

Inversão de valores: Sabem agir com tanta eficiência, eficácia e efetividade nos negócios particulares, mas não conseguem tirar o Estado da falência.

Alguém em sã consciência poderia explicar, porque Sarneys, Lobos, Murads, e outros donos das riquezas do Maranhão conseguem administrar tão bem suas empresas, mas, a máquina pública está falida? A Saúde, Segurança e Educação são as piores do Brasil?

Uma reportagem sobre a queda do IDEB do ensino médio pode explicar como Sarney, Lobos e Murads, que montaram na máquina pública, nada fizeram para transformar a realidade de pobreza do Estado que eles dominam por décadas.

Pior do que está, fica! Cai o IDEB do Ensino Médio do MA

Gazeta da Ilha

 A máxima tão propagada pelo candidato e comediante Tiririca, que diz que pior do está não fica, não se arranja na lógica do Maranhão.

Enquanto o vizinho estado do Piauí, nosso ex-companheiro em péssimos indicadores, melhorou seu IDEB do Ensino Médio, o Maranhão resolveu continuar seguindo na direção contrária.

Acre e Alagoas repetiram o Ideb do ensino médio de 2011 (3,3 para ambos). E outros 16 redes estaduais pioraram a nota em relação ao índice anterior:

São Paulo (caiu de 3,9 para 3,7); Santa Catarina (caiu de 4,0 para 3,6); Minas Gerais (caiu de 3,7 para 3,6); Paraná (3,7 para 3,6); Mato Grosso do Sul (caiu de 3,5 para 3,4); Ceará (caiu 3,4 para 3,3); Roraima (caiu de 3,5 para 3,2); Tocantins (caiu de 3,5 para 3,2); Amazonas (caiu de 3,4 para 3,0); Amapá (caiu de 3,0 para 2,9); Maranhão (caiu de 3,0 para 2,8); Bahia (caiu de 3,0 para 2,8); Sergipe (caiu de 2,9 para 2,8); Mato Grosso (caiu de 3,1 para 2,7); Pará (caiu 2,8 para 2,7) e Rio Grande do Norte (caiu de 2,8 para 2,7).

Estados que melhoraram

Apenas cinco estados estão acima da meta projetada para 2013 na rede estadual para o ensino médio: Amazonas, Piauí, Pernambuco, Goiás e Rio de Janeiro. Um estado igualou a meta: Mato Grosso do Sul. Os outros 20 estados mais o Distrito Federal ficaram abaixo da meta esperada. As redes estaduais concentram cerca de 80% das matrículas do país.

Goiás obteve o melhor Ideb do ensino médio na rede estadual: 3,8 pontos. Em seguida estão São Paulo e Rio Grande do Sul (3,7); Santa Catarina, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Pernambuco (3,6). O pior índice foi de Alagoas, com 2,6 pontos.

Além disso, nove estados melhoraram o Ideb em relação a 2011 no ensino médio da rede estadual: Goiás (subiu de 3,6 para 3,8), Rio Grande do Sul (de 3,4 para 3,7), de Rio de Janeiro (de 3,2 para 3,6), Pernambuco (3,1 para 3,6), Rondônia (de 3,3 para 3,4), Espírito Santo (de 3,3 para 3,4), Distrito Federal (de 3,1 para 3,3), Piauí (de 2,9 para 3,0), Paraíba (de 2,9 para 3,0).

Entenda

O Ideb é um indicador geral da educação nas redes privada e pública. Foi criado em 2007 pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) e leva em conta dois fatores que interferem na qualidade da educação: rendimento escolar (taxas de aprovação, reprovação e abandono) e médias de desempenho na Prova Brasil, em uma escala de 0 a 10.

Assim, para que o Ideb de uma escola ou rede cresça é preciso que o aluno aprenda, não repita o ano e frequente a sala de aula.

A Prova Brasil avalia o desempenho de estudantes em língua portuguesa e matemática no final dos ciclos do ensino fundamental, de 4ª série (5º ano) e 8ª série (9º ano), e no terceiro ano do ensino médio.

O índice é divulgado a cada dois anos e tem metas projetadas até 2022, quando a expectativa para os anos iniciais da rede estadual é de uma nota 6,0.

7d8c6f45-cb20-4afa-b411-53947f975796

 

 

Apocalipse now – Katisbarnea

A grande batalha sinto vai começar

a hora do mal a gente ver acabar

o fim está chegando e a mensagem foi passada

olhe os sinais pense que a chance foi lhe dada

levante a mão e no fim comece o início

de uma nova vida…

 

 

 

Fábio Gondim 2.0

10647028_705320342889985_1907176667567679493_nRobert Lobato

O candidato a deputado federal Fábio Gondim-1313 continua a impressionar e conquistar novos eleitores pela forma moderna, criativa e inteligente com que vem conduzindo a sua campanha.

O Blog do Robert Lobato já tinha comentado, assim que começou a campanha, sobre o perfil do candidato petista e qualidade da sua campanha.

Adesivos, banners, cartazes, santinhos, vídeos, faixas, jingles, enfim, o conjunto de ferramentas de marketing utilizado por Fábio Gondim tem feito a diferença na campanha de candidatos proporcionais. “Todo esse carinho e apoio crescente recebido nas ruas, vou retribuir com trabalho, muito trabalho” declarou Fábio Gondim.

Agora o candidato lança uma rede de ferramentas tecnológicas que se junta ao portfólio da campanha. É a etapa de campanha que estão chamando de Fábio Gondim 2.0.

Trata-se de aplicativos para smartfone e tablets onde os eleitores e simpatizantes da candidatura de Fábio Gondim poderão acompanhar sua biografia, currículo, atividades profissionais na gestão pública, agenda de campanha e conhecer alguns dos apoiadores do candidato.

Através de uma campanha leve, que consegue aglutinar vários segmentos da sociedade e que vem reunindo apoios importantes, inclusive de boa parte da base histórica do Partido dos Trabalhadores, Fábio Gondim se consolidou como uma das melhores opções para os petistas, tanto que a direção nacional do partido não esconde a importância e desejo de vê-lo no exercício do mando de deputado federal.

CARREATA EM TIMON

Amanhã a cidade de Timon pega fogo!

O candidato Fábio Gondim promoverá uma carreata promete ser uma das maiores já realizada no município nesta campanha.

A carreta “Fábio Gondim com Dilma” está prevista para começar às 11h e conta com o apoio da militância petista de Timon que tem se engajado de corpo e alma na campanha do deputado federal 1313.

Além de Timon, a agenda de atividades de Fábio Gondim para este fim de semana contempla ainda as cidades de Caxias, Códo e Coroatá.

Eleições 2014: Sarney decreta AI-5 no Maranhão…

Oposição acusa golpe da oligarquia…

Coligação de Flávio Dino diz que a oligarquia Sarney faz uso de escutas telefônicas e outros métodos que ferem a liberdade do cidadão.denuncia

Em tempo de eleição vale tudo para não perder. O grupo Sarney permanece no poder por 5 décadas usando todo tipo de coisas. Fica esperta oposição.

Uma ação da de agentes da polícia civil causou muita estranheza ontem no meio político, quando o irmão do candidato ao governo do maranhão, Flávio Dino (PCdoB) foi abordado numa parada atípica da Polícia Militar no bairro Estiva, na saída de São Luís.

Nos bastidores, comenta-se que “forças ocultas” ligadas ao clã Sarney, que agem nos porões sombrios dos serviços de investigações estariam agindo sob ordens superiores a fim de fabricarem provas contra Flávio Dino.

A senha teria sido uma declaração do candidato da oligarquia, que durante um debate em sua emissora de TV disse que “ia mostrar as sujeiras de seu opositor”. Ora, depois de fabricarem a morte de Reis Pacheco, são capazes de plantar provas de “compras de votos”…

Após coletiva de imprensa, o PCdoB, partido do candidato a governador pelo Maranhão, Flávio Dino, enviou ao blog uma nota sobre denuncias do Governo do Estado, com ações para tentar coagir Coligação “Todos pelo Maranhão”.

O teor da nota, sengundo o presidente do PCdoB, Marcio Jerry, afronta os princípios de liberdade estabelecidos pela Constituição.

A notícia do golpe espalhou-se rapidamente pelas redes sociais.

Abaixo, nota oficial do PCdoB:

coletiva (2)

A coligação “Todos pelo Maranhão” torna públicos fatos que levantam graves suspeitas sobre a tentativa de COAÇÃO, ABUSO DE AUTORIDADE e MANIPULAÇÃO do processo eleitoral.

Fatos ocorridos nesta semana trazem consigo uma grande suspeita de que casos ainda mais graves, como o escandaloso caso “Reis Pacheco”, ocorrido em 1994, podem surgir numa tentativa desesperada de tentar corromper o processo eleitoral, a exemplo do que ocorreu em outros pleitos comandados pelo mesmo grupo que teme perder o poder no estado agora em 2014.

DOS FATOS:

Enquanto seguia em seu carro rumo à cidade de Imperatriz, o senhor Saulo Dino, irmão do candidato a Governador Flávio Dino, foi abordado em uma parada atípica da Polícia Militar no bairro Estiva, na saída de São Luís.

Saulo Dino, que vinha sendo seguido desde a saída do hotel em que estava hospedado, foi o único cidadão parado pela estranha blitz montada por volta das 4h40 da manhã.

Mesmo de posse de todos os documentos necessários para a condução, a revista no carro passou de uma simples vistoria para uma busca minuciosa, atípica para os procedimentos comuns de abordagem, que durou mais de uma hora;

Todos os documentos e caixas que estavam no veículo foram desmontados e descartados pelos agentes da operação. Tratava-se de bandeiras, panfletos e materiais de campanha do candidato Flávio Dino;

Toda a operação foi realizada mediante perseguição com carro descaracterizado, filmagem por indivíduos não uniformizados, com tempo de abordagem e revista fora dos padrões usuais;

É de se estranhar que apenas o senhor Saulo Dino tenha sido parado e revistado pela tal Blitz, montada em horário inusual. O carro não caracterizado que seguiu o senhor Saulo Dino seria do serviço reservado da Polícia Militar, bem como seu condutor, segundo testemunhas que passaram pelo local no instante da operação.

DIANTE DOS FATOS, A COLIGAÇÃO “TODOS PELO MARANHÃO” SE PRONUNCIA:

1. Em defesa da atuação republicana e democrática das Polícias, em defesa do Estado e do Cidadão, sem servir de instrumento a grupos políticos. Neste sentido, temos plena convicção de que a corporação militar não admite atitudes como a acima relatada e nela confiamos;

2. Demonstra preocupação com as reiteradas práticas de ilegalidade cometidas pela coligação “Pra frente, Maranhão”, apoiada pela Governadora Roseana Sarney, que em eleições passadas deu provas de serem capazes de tudo pela manutenção do poder;

3. Requer da Secretaria de Segurança Pública do Estado do Maranhão as imagens da abordagem, bem como a identificação dos agentes que a realizaram. A Secretaria deve esclarecimentos à sociedade maranhense sobre os motivos que ensejaram a abordagem atípica;

4. Pede esclarecimentos dos órgãos competentes sobre o monitoramento de familiares do senhor Flávio Dino, de membros da direção de sua campanha e sobre os motivos da operação direcionada ao irmão do candidato;

5. Informamos ainda que oficiaremos ao Comando Geral da Polícia Militar, à Secretaria de Segurança Pública, à Polícia Federal, Ministério Público Eleitoral, e através da direção nacional do PCdoB, ao Ministério da Justiça, relatando os lamentáveis fatos;

Márcio Jerry Saraiva Barroso

Representante Legal da Coligação Todos pelo Maranhão

Prefeitura de SLZ abre programação de aniversário com reggae

Gilberto Leda

A Prefeitura de São Luís dá início nesta sexta-feira (5) à programação oficial de aniversário de 402 anos da cidade com o show “Vibrações Positivas” que reunirá cantores de reggae com destaque nacional e regional na Praça Maria Aragão, no Centro. Entre as estrelas do show estão nomes como Levi James, Luiz Guerreiro, Celso Reis e as bandas Capital Roots e Filhos de Jah.saoluis

Durante o espetáculo, serão homenageados com comendas o vocalista e líder da banda Tribo de Jah, Fauzy Beydoun, e o radialista e DJ Tony Tavares (in memoriam). O roteiro de atrações do show foi elaborado pela Comissão Integrada do Reggae e Turismo da Secretaria Municipal de Turismo (Setur) e conta com o apoio da gestão municipal para promoção de uma festa plural.

Segundo o presidente da Comissão, o empresário e DJ Jorge Black, as atrações foram discutidas a partir de critérios não excludentes, para garantir a participação dos vários segmentos que compõem o reggae na capital. “A nossa ideia é promover a integração entre todos os segmentos do reggae”, disse.

A iniciativa de reunir cantores, bandas, grupos de dança, radialistas, pesquisadores, colecionadores, proprietários de radiolas, bares, clubes, lojas de discos, produtos artesanais e industriais e uma infinidade de vertentes e atividades da cadeira produtiva do reggae em São Luís está alinhada com a proposta de integração do movimento reggae defendida pela Prefeitura.

O Município tem como objetivo ampliar esse potencial amparando atividades que atualmente não ocupam a linha de frente da cadeira produtiva, como o artesanato. A comissão trabalha para concretizar uma antiga aspiração da massa regueira maranhense, a construção do Museu do Reggae. O acervo será adquirido através de doações. Para Jorge Black seria mais um atrativo do setor turístico para a capital.

Jorge Black lembrou que as comemorações desta sexta, além de marcarem o aniversário da cidade, celebram o Dia Municipal do Regueiro, instituído pela Lei Municipal 4.102/2002. Segundo Jorge Black, exemplo da força do reggae como produto para estímulo do turismo são os 16 horários diários, de segunda a sexta, que divulgam o ritmo nas emissoras de rádio FMs e AMs, assim como as festas em todo o estado.

Toda a programação cultural do aniversário da cidade está sendo coordenada através da Fundação Municipal de Cultura (Func) em parceria com órgãos municipais. Outros setores da sociedade, como o Conselho Internacional das Organizações de Festivais Folclóricos e Artes Tradicionais (CIOFF), integram a programação. A parceria com entre o CIOFF e a Prefeitura realizará o 1º Festival Internacional do Folclore dos dias 9 a 14 deste mês, ainda dentro da programação do aniversário de 402 anos de São Luís.

Show Vibrações Positivas

18h – FM Natty Naifson

18h40 – Equipe Star Discos

19h20 – Garotinhos Beleza

19h40 – DJ Gisleno

20h20 – Amsterdã

20h40 – Banda Raiz Tribal

21h – DJ Betto

21h20 – Frank Miller

21h40 – Grupo de dança Saint Louis

22h – Banda Filhos de Jah e Grupo de dança GDAM

23h20 – Celso Reis

23h50 – Luiz Carlos Guerreiro

23h – Levy James

23h10 – Santa Cruz

3h30 – Jorge Black

23h50 – Banda Capital Roots

00h10 – Equipe FM do Clubão

Encerramento com FM Natty Naifson

Militante derruba Lula durante comício em Salvador

Acidente ocorreu na capital baiana, em ato de campanha do candidato petista ao governo baiano, Rui Costa

hj

POR O GLOBO

SALVADOR – O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi derrubado por um militante petista durante comício realizado na noite desta quarta-feira, na Praça da Revolução Subúrbio Ferroviário, em Salvador. O evento foi organizado pelo PT e partidos coligados em favor da candidatura de Rui Costa (PT) ao governo do Estado e à reeleição da presidente Dilma Rousseff. Principal estrela do comício, Lula resolveu cumprimentar de cima do palco um grupo de militantes que se concentrava encostado na parte da frente da estrutura. Um deles puxou o ex-presidente que caiu no palco sendo ajudado a levantar por Rui Costa.

Quando começou a falar ele se referiu ao fato, explicando que o afoito militante que o puxou era o pai de um aluno que conseguiu entrar na universidade graças aos programas sociais que implantou nos seus dois governos. Lula usou o episódio para lembrar dos compromissos dos governos petistas para com o povo e repetiu que as elites nunca o perdoaram pelo seu sucesso.

- Eles conhecem todas as letras, mas não conhecem a alma e o sentimento do povo brasileiro -, afirmou, achando que por essa razão, “o ódio foi disseminando contra nós”. Esse ódio, Lula disse ter pensado que acabaria quando Dilma Rousseff, que tem curso universitário, foi eleita presidente.

- Mas isso não ocorreu, porque o preconceito não é pessoal é ideológico -, disse.

O COMÍCIO

Logo cedo, a praça chegou a ficar lotada de cabos eleitorais de candidatos a deputado, mas o movimento atraiu também muitos moradores da região. Alguns levaram filhos nas costas, outros seus cachorros. Além do sistema de som do palanque, que despejava altíssimos decibéis de jingles de Rui Costa e de Dilma Rousseff, havia barracas de tira-gostos e promoção de cerveja. Por volta das 20h30, quando o comício começou, muitos circulavam com latinhas ou copo de cerveja na mão e bandeira de algum deputado na outra.

PUBLICIDADE

Com atraso de uma hora e meia e discursos longos, a praça foi esvaziando. O locutor pedia insistentemente para os cabos eleitorais abaixarem as bandeiras e cartazes mas ninguém atendia, pois a ideia era justamente mostrar o rosto e o número do candidato. Em um determinado momento, quando os discursos já tinham começado, o governador Jaques Wagner perdeu a paciência, pegou o microfone e apelou pra baixar as placas para as imagens poderem ser registradas.

- Todo mundo já viu o candidato de vocês – gritou, sendo desta vez atendido.

A demora dos discurso afugentou os moradores e a praça foi esvaziando. Por volta das 21h45, quando Lula começou a falar, praticamente só os militantes permaneciam no local.

A imagem do dia: A queda de Lula…

Cabo eleitoral de Dilma despencando…

Mau presságio: Durante comício de Dilma na Bahia, o ex-presidente Lula, que faz papelões pedindo votos para oligarcas, despencou do palanque.

O chão te aguarda, Lula…

 

queda de lula

 

Página 4 de 611« Primeira...23456...102030...Última »